quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Do casulo a livre borboleta voa




Teve seu período quietinho em silêncio

Dentro... Uma constante inquietude

Hibernada e protegida em seu ócio

Desvendando minúcias de sua identidade








Sentia que tudo estava em mutação

Intimamente acompanhava as transformações

Admirada ao novo de cada sensação

Redescobrindo valores e missões








Chegado o momento tão esperado

Liberdade para suas sonhadas asas

Estimulada ao vôo esplêndido

Partiu rumo à vida de descobertas






Tatiana Moreira


18 comentários:

nas asas de um anjo disse...

...e q sejam felizes descobertas, com mto amor!

bjs, kida poetisa

(gosto desta forma estetética de colocares imagens entre as estrofes, tens bom gosto e adequam-se na perfeição)

nas asas de um anjo disse...

estética

de dentro pra fora.... disse...

Parece a historia dos nossos filhos, protegidos por nós(casulos) até um certo momento em que ganham asas e voam...a diferença é que o "casulo" está sempre disponivel para voltarem..

Alma Poeta disse...

Nossa...estou encantada com teu cantinho minha querida!
É tudo lindo...suas poesias, imagens e as músicas...parabéns minha linda!
Virei sua fã e seguidora.
Agora estarei sempre ligadinha à você!
Um grande beijo e um dia lindo e poético pra você.
Serena.

O Profeta disse...

Uma alma paira na brisa
A beleza mora no feliz pensamento
Murmurada oração toca os meus ouvidos
A palavra sai do peito em sentimento

Os pássaros alegram-se na tua passagem
Ainda tão breves são os dias
Já teus olhos bebem as virtudes do Sol
Já sorris no abraço que ao sentir confias


Resto de boa semana


Mágico beijo

Cadinho RoCo disse...

Agora pense naqueles momentos em que colocou-se livre para voar. É que o nosso vôo conta com sutileza outra.
Cadinho RoCo

Di disse...

Que suavidade nas palavras... Acho que é um dom que tens!
Gostei.

Everson Russo disse...

Menina poetisa,obrigado de coração pela vitinha ao Livro dos Dias, www.evr.russo.blog.uol.com.br - volte sempre, o carinho de sua visita e seus comentarios são importantissimos, adorei seu blog tambem e já esta entre meus link pra que sempre eu te encontre nesse blogmundo, descobri tambem que estamos na mesma cidade, BH, tenha uma linda noite e um excelente final de semana...beijos na alma...

Elcio Tuiribepi disse...

Liberdade...essa palavra soa bem nos meus ouvidos, aliás, no de qualquer pessoa...Que você possa alcançar a verdadeira plenitude dessa palavra tão especial em todos os instantes de sua vida...um abraço...e quando puder participe da blogagem coletiva lá no verseiro ok...boa sexta para você e sua família.

Everson Russo disse...

Ei minha querida nova amiga, passando por esse jardim de amor, pra te desejar um maravilhoso final de semana, cheio de amor, é claro, muita paz no coração e deixar muitos beijos em sua alma....

Bandys disse...

Oi,
Nossa que coisa linda!!

Chegado o momento tão esperado
Liberdade para suas sonhadas asas
Estimulada ao vôo esplêndido
Partiu rumo à vida de descobertas

Beijos

Luciana disse...

Oi Tati!

Tudo bem contigo?

Esse filme que tu comentou eu ainda não assisti, mas com certeza eu já vou pesquisar na Net e guardar o nome na minha lista de filmes. O filme Vem Dançar Comigo é muito bom, eu adoro filmes que tenham dança tipo Dirty Dancing que pra mim é um clássico do cinema e futuramente vou estar postando algo sobre esse filme.

Bjs e uma boa noite de sexta-feira!

Elcio Tuiribepi disse...

Vi o seu coments lá na Luciana sobre o filme "Ao som do coração", eu também já vi...muito bonito né!!
Acho que a música tem dessas coisas mesmo, tem uma presença muito forte na vida das pessoas. Hoje me emprestaram três filmes: Lutero, que estava doido para assistir. "Sombras de Goya", sobre a vida um padre, filme polêmico. E "A outra", se não me engano, filme de época, Henrique VIII. Taí a dica. Um ótimo final de semana para você e sua família.

Vieira Calado disse...

E voa... para a alegria dos nossos olhos.
Também tenho (no blog) um poema à borboleta.

Borboleta bonitita
esvoaçando pelas flores do quintal.

(...)

Cumprimentos

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Tatiana, belíssima postagem... Bom fim de semana...Beijinhos de carinho e ternura,
Fernandnha

meus instantes e momentos disse...

muito bom voltar ao teu blog. Gosto daqui.
Maurizio

Jacinta Dantas disse...

Nessa metaformose, precisamos mergulhar - sair do casulo e fazer o vôo pela vida e, quando necessário, voltar ao casulo. É cíclico, é vida.
Beijos

Nuno de Sousa disse...

Mais um magnifico post, belas fotos, tenho umas fotos dessa bela borboleta Monarca, é linda, dá excelentes imagens, e dei 3 destas fotos à minha doce Flavia, a menina que está em coma ai pelo teu país penso que já ouviste falar dela, ela está no meu blog, em alguns post que coloquei e tenho as tais 3 fotos que ela tem no seu quarto também pelo meu blog se quiseres ver.
Gostei mto deste teu momento e bela as tuas palavras.
Bjs amiga,
Nuno