terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Eclipse de amor e dor

-->
Ele nasceu Sol de intensa luz
Transmissor de brilho instigante
Doava seus encantos que seduz
Radiando sempre manhã quente


Ela feita Lua, toda noite aparecia
Admirava o calor que dele recebia
Vivendo momentos de pura magia
Fase era Crescente noutras Cheia


Vivenciou mundo de Amor e Dor
Sentia-se por vezes descontente
Sem Ele seu mundo perdia a cor
Nessa decepção ficou Minguante


Buscou no intimo de sua essência
Uma enorme força de superação
Absorveu ensinamentos que trazia
Fez-se Nova brilhou em revelação


Observando o Destino os aproximou
Num eclipse ambos se encontraram
Nesse dia o impossível Amor brilhou
Por sentimento eles se entregaram


À distância anunciada aconteceu
O Sol em seu desatino emocionou
A terna Lua em despedida sofreu
Ao vê-los o Cosmo inteiro chorou


Tatiana Moreira