segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Silêncio...


Frente a frente comigo mesma

Olho para dentro de minha alma

A dor que amarrava minhas palavras

Vem do vazio de saber que Tu existes

E não compartilhar de tua existência

Uma vontade de não dizer mais nada


Fiz de Ti, minha fonte de inspiração

Dediquei-lhe versos, poemas e canções

Ficava a folhear-te de memória

Como um livro raro que decifro

Vontade que me orientava os passos

Sempre guiando para perto de Ti.


Se soubesses o quanto me habitas

Entenderia a razão de meu silêncio

O que luto para emudecer por dentro

Sentindo no intimo uma tempestade

Um labirinto onde me perco e encontro

Sentimento que a cada dia mais descubro


No silêncio que arrepia e não explica

Guardo o teu sorriso, em meus olhos

No horizonte, todos os meus sonhos

No tempo, as marcas dessa história

Portanto hoje não te deixarei palavras

Deixo silêncio em forma de um beijo


Tatiana Moreira





85 comentários:

Franzé Oliveira disse...

Respeitando sua dor reescrevo minha postagem sobre o silêncio só par vc.

O silêncio fala
Escute...

O silêncio ensina
Aprende...

O silêncio é música
Dance...

O silêncio acalma
Relaxe...

Bjos com ternura.

Diogo Caceres disse...

Bom dia Tatiana, tudo bem?
Muitas vezes é no silencio que encontramos grandes respostas... é qdo aquietamos todos os sons que passamos a ouvir o q interessa de verdade!!
Seu dia seja muito especial amiga, com tudo de bom q merece!
Abraço!!!

Eu disse...

A dor da saudade às vezes é sufocante.
Apaga o brilho dos olhos
O sorriso dos lábios
As horas se tornam excessivamente longas
Mas a esperança do encontro mantem-se viva e fortalecida
Que esta dor não mata
Mas fortalece!

Beijinhos
Eu

tossan disse...

Saudade,
da emoção
que só permanece
aos corpos
que tanto desvanecem,
une aos desejos
que de dois seres brotam
realidade.

RS Bj

Vanessa. disse...

Palavras fantásticas. A dor da saudade, por vezes, torna-se insuportável!

Verônica disse...

Não tem nada mais ensudercedor do que o som do silêncio...
Quando esperamos uma palavra de carinho, e só o silêncio responde..
fica em silêncio para pensar...
chorar...pedir...
lindo post...
tenha uma ótima semana
e mil beijinhosss...

Isa disse...

Como dói o silêncio de alguém...qdo
mais precisamos de atenção e carinho.
Tem recado para si no blog.
Feliz semana.
Beijoo.
isa.

frAgMenTUS disse...

lindo...apaixonado...e triste
mas seguindo o teu conselho, sejamos como a fénix pk a luz da esperança existe, e brilha, temos é q acreditar!

bj grnd, minha linda

Luiz Caio disse...

Oi Tatiana!

Como não lhe deixar aqui palavras de carinho, se a sua poesia me toca o coração, me deixa com os sentimentos a flor da pele?

ESTE POEMA FICOU LINDO DEMAIS!

TENHA VOCÊ TAMBÉM UMA LINDA SEMANA!
BEIJOS.

FERNANDA-ASTROFLAX disse...

QUERIDA TATIANA... BELÍSSIMO POEMA, MAS A MELANCOLIA NELE MORA... SERÁ POR SER SEGUNDA-FEIRA DIA DE TRABALHO???
ESPERO QUE SIM...UM GRANDE ABRAÇO DE MIZADE E TERNURA,
FERNNDINHA

Haere Mai disse...

Agradeço a sua visita Tatiana! O seu poema é sublime!

Que na sua vida haja hoje e sempre um pouco mais de azul!

Beijo azul...Sempre!

Luciana disse...

Oi Tati, que poema lindo chega a mexer com o sentimento da gente, meus parabéns muito bonito mesmo e essa parte então:
" No silêncio que arrepia e não explica

Guardo o teu sorriso, em meus olhos

No horizonte, todos os meus sonhos

No tempo, as marcas dessa história

Portanto hoje não te deixarei palavras

Deixo silêncio em forma de um beijo"

Cheguei a ficar toda arrepiada queria ter um amor para poder me declarar assim rsrs, mas enquanto não tenho vou sonhando com Brad Pitt, Antonio Banderas, Keanu Reeves, Tom Cruise brincadeirinha hehehe, tô brincando pra me distrair pois, não aguento ficar mais em casa de repouso, estou louca para voltar a fazer as minhas atividades e ajudar o meu pai, mas só vou ser liberada eu acho que no dia 5 então tenho que esperar.
A primeira vez que eu ouvi a música Só Pro Meu Prazer foi com o Leoni, mas gostei mais com o Bruno e Marrone, acho que eles colocaram mais emoção na música.

Bjs.

Carla disse...

extraordinariamente belo esse silêncio
beijos

A Madrasta Má disse...

Tem horas em que o silêncio fala tudo... nos abre os olhos.... toca o coração...
Boa semana minha querida!
Bjinhos da Madrasta!

Franzé Oliveira disse...

Tatiana, respeito sua dor, viu. Tb tenho as minhas e as vezes tenho a mesma necessidade de ficar em silêncio, como em outras vezes tenho vontade de explodir. Sempre és atenciosa, não só comigo, mas com todos que por aqui passam. Minas é muito longe do RN, se não fosse assim eu estaria perto de vc, para ajudar ou mesmo só para t v. Acho q não ajudaria em nada (risos)mas eu eu faria assim mesmo. Hoje estou assim, meio mole, cansado de chorar, nem sei se isso pode te ajudar já que tenho as minhas dores. Só quero mandar minha força, viu. No meu blog tem meu e-mail, minha página no orkut e meu celular. Caso queira pode entrar em contato comigo. Eu gostaria muito. Bjos com muita ternura de seu amigo.

Eliane Santoro da Costa disse...

Tatiana querida,mais um poema maravilhoso!

Esse silêncio de sentimentos que desejaria expandir e o tens que reprimir é muito doloroso.
Que a luz divina e a paz possam aliviar sua dor.
Procure dizer(pode ser mentalmente mas o ideal é que escute o que está dizendo)o quanto puder,que você se ama.

Tem selinho lá no blog para vc.

"Selinho da Amizade"

Também desejo a você uma boa semana,com muito carinho.

Beijins de luz no seu coração para sarar a sua dor!

Déia Arakaki disse...

Oi Anjinhaaaaaaaaa...

Eu quando estou confusa, quando estou triste, quando quero pensar recorro ao recurso do Silêncio!!

Lindo Poema!!!

otima semana Anjinha

Gleidston dias disse...

Sou solidario com voce,muitas vezes esse silencio grita tao alto e torna uma dor insuportavel, muitas vezes me vejo nas entrelinhas das suas palavras,obrigado.

otima semana Tatiana.

bjsss.

Marta Vasil disse...

tatiana

Deixei no meu blogue, com muito carinho, um miminho para si.

Voltarei

Beijinho

MV

frAgMenTUS disse...

mimo Tati
bj

neide disse...

Querida Tati,
Tem selinho para você no meu cantinho.

Bjss amiga

rui disse...

olá Tatiana..boa noite queria-lhe agradecer a sua visita..e as suas palavras de encorajamento no meu blog..obrigada do fundo do coracäo.
Este seu poema do silêncio..é bonito.. Mas o silêncio tem varias facetas,na vida das pessoas..á quem fique em silêncio porque está ouvir.. a aprender algo.."silêncio de apredizagem...existe tambem o "silencio da dor".. aquele te deita lágrimas o triste o que fere.
Existe tambem o "silencio da esperanca" O Tal que nos faz sonhar
o que nos dá vida a nossa propria Vida.. aquele silêncio que falamos para dentro de nos proprios sem ninguem escutar...
E agora se me permiti vou sair em silêncio..para deixar que outros possam ler em PAZ este seu lindo blog.........Fique bem
um beijinho boa semana para Si
Rui

Izinha disse...

No silêncio interior podemos ouvir a voz do coração...

bjos e uma semana perfeita prá vc!

Jorge Vieira Cardoso disse...

belissimo Tatiana...continua...

beijo terno...

mundo azul disse...

_______________________________

Por vezes, o silencio é mais eloqüente que muitas palavras...

Belo poema!


Beijos de luz e o meu carinho...

________________________________

MEUS PENSAMENTOS disse...

bem se que o silêncio por vesez twem uma grande força ,chegaser insurdecedor!lindo poema ,vim lhe oferecer o selo do meu blog com muito carinho ,bjs!passa-lá!

mariab disse...

mas o silêncio grita... por vezes até mais que as palavras. belo.
beijos

Celamar Maione disse...

As cicatrizes ficam . Marcas das nossas experiências.
É triste perceber a morte de um amor , quando ainda tinha tanto para acontecer.
E você expressou bem no lindo poema !
Excelente semana
Beijão

Lu disse...

Vc é ótima com os versos! Lindo, lindo!

Desculpe-me a ausência, mas tenho trabalhado muito.

Um beijo e uma ótima semana.

traços de um homem disse...

Lindo poema..
Como um livro raro que decifro
Vontade que me orientava os passos
Sempre guiando para perto de Ti..
Perfeito.
Parabens
Beijos

Alguém disse...

Silêncio em forma de beijo :) gostei!!!!

beijinho

Amarísio Araújo disse...

Oi tatiana!

Que silêncio eloquente!Há,nestes versos,ecos de amor e saudade...e esse beijo,como forma de silêncio ao final,é arrebatador,é imossível não ouví-lo.
A cada dia admiro mais a sua poesia,sempre me encantando com a sua suavidade e a sua delicadeza ao falar de amor.
É um prazer vir aqui.Grato sou eu pelo aconchego e a beleza que aqui encontro.
Obrigado por seu carinho no meu recanto.
Uma linda noite.Uma ótima semana.
Beijos sempre carinhosos.

Moonwisher disse...

E como mereces...podes passar lá no meu blog e receber o teu prémio...ok?
Bjos.

Melsavinon disse...

A dor que amarrava minhas palavras
Vem do vazio de saber que Tu existes
não compartilhar de tua existência
Uma vontade de não dizer mais nada

Você escreve coisas que calam no fundo da minha alma...e viajo...que maravilha!!!

Mai disse...

Querida, o silêncio tem dois lados e o teu está escrito aqui.

O teu silêncio pelo silêncio tem tua palavra como escudo e voz.
Então escreve muito e muito e só aassim elaborarás a tua integridade e inteireza.

beijos e fica bem.
Somos sós mas não estamos sós.
Temos a arte e a poesia, Tati.

Recebe meu abraço.
Mai..

Izi e Everson Russo disse...

Ei minha doce e querida amiga, venho eu agradecer todo o seu carinho e atenção comigo e responder sua pergunta, canto não em lugar nenhum, minhas humildes escritas ainda não sairam do pequeno mundinho do meu quarto aqui em BH, o maximo que elas saem é pela net...um dia quem sabe né? Beijos em seu coração, obrigado pelo carinho e tenha uma linda semana....

www.evr.russo.blog.uol.com.br
www.givemeshelter.zip.net
www.oultimobarcodoplaneta.blogspot.com

Philip Rangel disse...

Verdadeiro mesmo.......

* Patrícia Meirelles * disse...

Lindo, comovente e triste.
Saudade, dor e amor são realmente temas q promovem lindas poesias.
Boa semana amiga!
Bjs de luz

Jeanne disse...

Linda poesia, sinto este silêncio como ensurdecedor!
mas que ele se transforme em melodia suave...
Beijos

Vivian disse...

...minha linda poetisa,
a sua página é sempre
um encanto de canto,
mesmo que no silêncio
de uma dor de amor...

shiuuuu, então.

bjussss

Roberta Albano disse...

Desejar algo que não é reciproco dói, realmente.
Mas enquanto você se apoiar em si mesma, estará bem.
Use o amor, mesmo que platônico para você mesma em forma de inspiração parar fazer poesias lindas!

Alexandre Monteiro disse...

Olá Tatiana passei para agradecer a tua passagem em meu blog e li alguns de teus poemas, adorei a forma como escreves o sentimento que depositas na escrita, e a torna verdadeira e bela com muito gosto também eu te acompanharei.

Tuas poesias são maravilhosas.

Beijos com muito carinho.

belinha.borboleta disse...

Perfeito

***...JéèHhH...*** disse...

Nuus muitoo lindo parabéns

R.Vinicius disse...

O silêncio é uma poesia por si só. Uma forma de dizer, calar, expressar. Quando necessário pode ser leve, quando posto no caminho pode ser autoritário, pode ser carinho, pode ser tudo. Gostei dos versos. No silêncio também vivem belas e tristes lembranças.

Abraço,

R.Vinicius

Bandys disse...

O silencio é fundamental!!

Beijos

Multiolhares disse...

Por vezes o silencio grita mais alto que palavras faladas
beijos

manzas disse...

Lindo!

Descobri…
Um banco do jardim
Que me segredou
Em poesia…
Aromas que aqui
Encontrou
De paz
E de harmonia...

Sempre grato pelo comentário…

O eterno abraço…

-Manzas-

Elcio Tuiribepi disse...

Oi Tatiana...ah...o silêncio! Não sou muito bom de lidar com ele não, portanto acho que vou ficar quieto...rs...brincadeira
Ando aprendendo a lidar com ele sim, sem querer confesso, mas, a vida tem me feito aprender...
Espero que este seu momento passe logo e as palavras voltem, apesar de que, elas estão aí, em forma de poema...um abraço na alma...boa semana pra ti

Cadinho RoCo disse...

Um dia aprendi que não há ninguém que goste mais de mim do eu mesmo, até por obrigação. E se houver tem alguma coisa errada. Com isso aprendi também que quem não consegue alcançar dimensão do que sinto, que fique pra lá porque não posso permitir a mim mesmo convívio assim.
Cadinho RoCo

☆Fanny☆ disse...

Olá amiga!!!

Tenho um mimo no blogue para ti… Está lá à tua espera...

Beijinhos de estrelas*
Fanny

Márcio Ahimsa disse...

Querida, o silêncio é a maior voz da alma.
Fala aos olhos do sentir.

Beijos, querida.

neide disse...

Querida Tati,
O silêncio as vezes assusta, as vezes fala mas alto do que posso suportar, é ele também que me ensina, faz crescer, por isso, e as vezes eu preciso tanto dele pra encontrar a mim mesma...

Bjss

Valéria Cristina disse...

Não escuto nunca o seu silêncio, Tati-Sorriso-Lindo....

Vc nasceu e vive, talvez sem nem saber o quanto, para transbordar AMOR e CARINHO e AMIZADE..e todas as emoções e sensações de uma GRANDE mulher...

Mayana Carvalho.♥ disse...

não existe nada mais expressivo do que o silêncio de um beijo...

Maravilhosamente lindo !
Beijos

Serena Flor disse...

Este teu silêncio grita ao coração minha linda!
Que saudade estava de vir aqui...aff!
Um grande beijo de boa noite querida!

Sonia Schmorantz disse...

Flores para você

Para você enfeitar o seu dia,

lhe trazer mais alegria

mais paz a cada minuto.

Flores

Para você pensar na vida com mais carinho,

e não se esquecer que por você

carrego o sentimento mais sublime:

A amizade!

Jurema disse...

Oi Tati, eu também gosto muito dos filmes do Mel Gibson e esse filme é muito engraçado, eu já assisti todos as vezes que passou na televisão eu e a Luciana adoramos ver filmes repetidos rsrsrs.

Bjs e uma ótima quarta-feira.

Jurema disse...

Oi Tati, eu também gosto muito dos filmes do Mel Gibson e esse filme é muito engraçado, eu já assisti todos as vezes que passou na televisão eu e a Luciana adoramos ver filmes repetidos rsrsrs.

Bjs e uma ótima quarta-feira.

bruxamarytsha disse...

Cada poema novo me surpreende pela beleza e profundidade amiga querida. Estou convalescendo de uma virose, sem animo e tempo para meus versos, mas volto, bewijocas

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

não quero partir
porque não há chegada,
a ponte do sonho caiu,
sem margens
a minha rota
atravessa o suor
de gaivotas poisando,
pétalas de sorrisos
sugam-me os lábios
salpicando o meu rosto,
és uma flor ?
pergunta-me o vento,
não, não sou nada,
quero ser o mar
simplesmente,

poetaeusou


Uma bela semana pra você...
Abraços

*Lisa_B* disse...

Não tenho mais palavras a não ser dizer: LINDO!
Pena que amar trás muito sofrer agarrado e sempre.
Beijinhos de carinho

Danny Doo® disse...

"...vivi contigo em minh´alma..."

Eu ouvi isso em algum lugar... Sobre alguém que aprendeu a deixar ir embora... Algo que definitivamente já não cabia mais.

É preciso coragem, ou só o tempo ...

Bjos!!! Belo poema...

frAgMenTUS disse...

um mimo p/ o teu blog, no meu :)
bj

SAUDDS TUAS
ESTÁS BEM, AMIGA?
BJS LUZ E PAZ

Pelos caminhos da vida. disse...

Tem selinho da "Proximidade" la para vc.

beijooo.

_Ly Marte_ disse...

FABULOSO!!!!!!!!!!

najla disse...

E como existem silêncios tão audiveis, tão sonoros...que mesmo que a boca se cerre, a alma grita.
beijos

João e Joana disse...

Lindo... simplesmente lindo...

Abraço

Alex Pinheiro disse...

E se quer saber, o silÊncio em forma de um beijo é foooda!
Quase um silêncio barulho, rs

Bjs e belas invenções!

Mário Margaride disse...

Olá!

Excelente este poema!

Quantos silêncios, não se ouvem ruidosamente, dentro de nós, quantos?

Adorei!

Beijinhos

Mário

O Profeta disse...

A terra dorme em sobressalto
Um grito brota da alma
Danço com esta bruma de Inverno
Rodopia em meu peito uma estranha calma

Águas despertas, Mar bravio
Cai sobre mim um nevoeiro perverso
Uma onda estende seu manto de espuma
Açoita as pedras adiando o regresso


Boa semana


Mágico beijo

frAgMenTUS disse...

que a Proximidade e a Pedagogia do afecto sejam sempre sinal de (e)terna Amizade!!!+2mimos blogueiros p/ti.bj

Claudia Perotti disse...

Divino silêncio!
Beijinhossssssssssss

Cleo disse...

Oi Tatiana, silêncios guardados e feitos palavras no poema. Lindo.
Beijos carinhosos.
Cleo

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Tatiana...belo versos...belo silencio...Espectaculare...
Beijos

Ana Martins disse...

Um silêncio cheio de dor, mas muito profundo!

Beijinhos,
Ana Martins

Rogs disse...

Nossa, quantos comentários, vc é especial. Silêncio nada...rsrs

Abraços, parabéns, tens muitos amigos que lhe amam. Isso é muto bom!

Chris disse...

Oi minha lindinha, saudades de ler seus poemas tão lindos, inspiradores e fortes.
E da beleza e doçura em suas palavras e visitas.
Poema forte, doloroso até.

Bjs no coração, voltando de uma semana sem net hj, lendo seus textos que ainda não havia lido.

Chris

Ana Karina Fainascki Panzoni disse...

Olá!!! Tatiana,
Te encontrei por acaso. Amei o seu blogger!!!! Adorei as poesias, amo poesia. Por ter gostado do seu blogger te linkei. Quando tiver um tempinho, me visita, comente.

Beijinhos,
Karina.

Verônica disse...

PASSANDO PARA SABER DE VOCÊ???
MIL BEIJOSSSS...

Joyce disse...

depois que li fiquei em silencio!

neide disse...

Querida Tati,
Saudades de vc,viu?

Bjss

Carlos Barros disse...

Querida Tatiana,
Um belo poema apaixonado e que ao mesmo infunde uma certa tristeza.

Beijo pra ti!

poetaeusou . . . disse...

*
do silencio das palavras,
renasce a palavra amor,
,
belo post,
parabens
,
conchinhas te deixo,
,
*

Nuno G. disse...

muito sentido!!!
muito lindo...
(www.minha-gaveta.blogspot.com)