domingo, 27 de setembro de 2009

O tempo em espera...

E mais uma vez...
Eu estou aqui a te esperar
Olho para os ponteiros do relógio
E os imploro para irem devagar
A angústia de vê-los correndo
Faz o meu coração acelerar

Onde estás que não vens?
Onde estás que não me ouves?

Diga o que o destino fez...
Para que pudessem nos distanciar
Olho para os ponteiros em silêncio
Pedindo para que possam parar
Nessa espera estou morrendo
Numa entrega de tanto amar

Dá-me um sinal e irei ter contigo!
Dá-me um sinal e sairei deste castigo!

Tatiana Moreira



segunda-feira, 14 de setembro de 2009

A saudade que chama o seu nome...




Reside em mim sua voz suave que me embala

E tantos sonhos, que o tempo em mim não apaga.

Trazendo-o novamente aos meus pensamentos

E na memória viva onde tudo nosso foi gravado



Suspiro por Ti, despertando os meus desejos.

Respiro-te no ar que me inspira ternos versos

Mesmo em face de sentimentos ainda proibidos

Prevalece em mim sua magia por todos os recantos



Na força motriz que me puxa, guia e atraí...

Sou levada pela correnteza do amor que não se esvai

Abastecendo as células que me compõe sem perceber.

Entrelaçando os fios do meu destino... Ao teu Ser



Meus sentidos aguçam vivenciando esse sentir

Que renascem no momento que estou a te ouvir

Meus olhos saudosos buscam a linha do horizonte

Despertando em mim ... Asaudade que chama o seu nome!



Tatiana Moreira









Um beijo carinhoso





quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Saudade...


Sabes tão bem o quanto vives em mim...

Quanto me tens a cada dia, num inicio sem fim.

Vivencio-te como alguém real em minhas rimas

Os sentimentos voam, dão asas as lágrimas...

Que renascem sorrindo ao lerem suas palavras.



Nos meus sonhos, nossos pensamentos se atraem.

Todos os sentimentos represados acontecem...

Nas asas que me destes, sinto a liberdade de voar.

Sobrevivendo em mim a vontade desse doce amar

Deixando-me contigo apaixonadamente embalar...



Tornamo-nos livres para sermos pura essência.

Gravamos no tempo o entrelace dessa história...

Escrevo em cada estrofe o querer dessa constância

São para Ti, minhas palavras na assonância...

Sem pensar em ausência, tempo ou distância!



Ofereço para Ti meus dias e noites em sonhos...

É assim que partilho contigo os meus desejos...

Na ausência de sua presença, farei meus versos.

Inspirarei do vento seu perfume que me invade

Tatuando em minha pele: A saudade!



Tatiana Moreira






Meu eterno carinho

á todos!


terça-feira, 1 de setembro de 2009

Dormi aqui e acordei em outro lugar...



Depois de um dia cansativo

Chego a casa para descansar

Preparo um gostoso banho

Na banheira água e espuma

Perfume inebriante no ar

Relaxando o corpo e a alma

Pensamentos voam, eu nem noto...

Recosto e começo a sonhar

Vôo em asas para te encontrar

Sinto teus braços me enlaçando

O som da harpa ecoando no ar

No céu ficamos a dançar

Proximidade dos corpos

Deslizes de tantos toques

Fitamos ternamente no olhar

Lábios no encontro dos beijos

Entrega perfeita tão esperada

Face corada por amor saciada

Só não podia imaginar:

Dormi aqui... Acordei em outro lugar.





Tatiana Moreira









Essa postagem faz parte

Da proposta do blog

Vou de Coletivo!