quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Foi amando...





"Foi amando que construí
amores eternos,
foi amando que modifiquei
meus conceitos e preconceitos,
foi amando que colhi
histórias pra contar em versos
as poesias do meu coração."
 
~Denise Portes~




quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

...




Ele me veio assim, meio de mansinho...
Mas me pegou de jeito.
Me tocou delicada e intensamente.
Sabia exatamente o que fazer com as batidas do meu coração...
Com os arrepios que me percorriam a espinha...
E com as borboletas que eu carregava no estômago...


(Desconheço a autoria)


segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

...




Um ladrão rouba um tesouro,
mas não furta a inteligência.
Uma crise destrói uma herança,
mas não uma profissão.
Não importa se você não tem dinheiro,
você é uma pessoa rica,
pois possui o maior de todos os capitais:
a sua inteligência.
Invista nela.
Estude!

Augusto Cury



quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

...



A sabedoria superior tolera,
a inferior julga;
a superior perdoa,
a inferior condena.
Tem coisas que o coração só fala
para quem sabe escutar!


Chico Xavier





quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Tua voz...




A lembrança da tua voz
é minha companheira nos dias de tempestade
nas horas que lembro, viver é preciso
apesar de...
apesar de tanta coisa ficar perdida
entre os olhares que nunca,
n-u-n-c-a mais irão se cruzar
mas a tua voz fica, e soa,
e canta às vezes
e eu começo a chover,
a chover
c
h
o
v
e
r
para dentro de quem um dia fui
contigo.


Cáh Morandi



domingo, 13 de janeiro de 2013

Bendita seja a claridade das palavras...





De repente, um silêncio tão bem dito que não entendi mais nada. Ao contrário de outros, alguns silêncios apagam a luz.

Bendita seja a claridade das palavras também quando permitem que dúvidas sejam dissolvidas. Que equívocos não sejam alimentados. Que distâncias não cresçam. Que a confiança prevaleça. Que o afeto não se torne encabulado.

Bendita seja a claridade das palavras também quando ficamos no escuro da incompreensão, tateando as paredes deste cômodo pouco ventilado à procura de um interruptor qualquer que acenda o nosso entendimento.

Bendita seja a claridade das palavras também quando aproximam, em vez de afastar. Quando nos possibilitam o conforto da verdade, mesmo que ela desconforte. Quando simplesmente queremos saber o que está acontecendo com as pessoas que amamos simplesmente porque amamos. 

Bendita seja a claridade das palavras quando ditas com o coração. Ele sabe como acender a luz.

- Ana Jácomo -


 


sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

...



Fazemos amor com as palavras?
Acredito que sim!
Sinto-as na pele...
Como braços que se abraçam
Pernas que se enroscam
Lábios que se beijam
Corpos que se entregam
Orgasmos que se multiplicam
Quando menos esperamos
A elas nos entrelaçamos
E em todos os movimentos
Mais juntos estamos
Penetrando os mundos
Mergulhando em sonhos!

Tatiana Moreira



quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

...







Nem ausente, nem presente por demais. 


Simplesmente, calmamente, ser-te paz.




Fernando Pessoa