domingo, 17 de agosto de 2014

...




Quando as palavras ganham vida
E do papel parecem querer saltar
São momentos contigo que tento vivenciar



Quando pressinto intensos chamamentos
Vindos de tão distante me alcançar
Consigo como teus os identificar



Quando a carência tudo desconsola
E um perfume invade o meu ar

Sinto meu pensamento indo te encontrar





Quando a dor parece mais forte
E ao senti-la percebo a lágrima deslizar

Entendo que a ausência tende a machucar




Quando a saudade quer assolar


E por dentro tudo parece desmoronar
Recorro as tuas palavras para me alimentar




Quando o fantasma do esquecimento
Em minhas lembranças querer te apagar...
Renascerei em forças para em mim te guardar.

Tatiana Moreira





quarta-feira, 6 de agosto de 2014

O som da sua voz...




Há dias em que a saudade bate forte em meu peito.

O som da sua voz fica em harmonia com as batidas do meu coração.

E os dias parecem conspirar para que tudo me faça lembrar de você.

Talvez seja lá... Naquele tempo em que eu gostaria de estar...

Tempo de descobertas e um amor puro.

E tudo o que sabíamos era que seria necessário acontecer!

Ainda guardo no mais íntimo de mim o seu toque, o seu olhar, o seu sorriso, e a sua maneira de me fazer crer que o mundo pode ser bem melhor quando nos amamos e amamos as pessoas ao nosso redor.

Tudo o que eu queria era que o tempo não passasse e eu pudesse aproveitar intensamente cada segundo na sua presença.

Mas o nosso tempo juntos se expirou... E ficou algo bom, um sentimento de que tudo valeu a pena e de que foi perfeito enquanto durou...


E assim, eu te levo comigo por onde eu for... E muitas vezes ainda ouço a sua voz falando baixinho para o meu coração.



Tatiana Moreira