segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Feliz Natal!!!



A paz que desejamos ver no mundo 



precisa começar dentro do coração 



de cada um de nós!



Feliz Natal!!!









sábado, 28 de novembro de 2015

...



"Não me provoque, tenho armas escondidas...
Não me engane, posso não resistir...
Não grite, tenho péssimo hábito de revidar...
Não me magoe, meu coração já tem muitas mágoas...
Não me deixe ir, posso não mais voltar...
Não me deixe só, tenho medo da escuridão...
Não tente me contrariar, tenho palavras que machucam...
Não me decepcione, nem sempre consigo perdoar...
Não espere me perder, para sentir minha falta..."



Clarice Lispector



quinta-feira, 5 de novembro de 2015

O que prevalece agora...





“O que prevalece agora 
é essa maneira nova de sentir a vida.
Essa perspectiva que me faz admirar, 
incansáveis vezes, antigas preciosidades.

Essa vontade de bendizer tantas maravilhas.
Esse sentimento de gratidão 
pelas coisas mais simples que existem.
Esse jeito mais amigo de ouvir meu coração.
O que prevalece agora 
é essa apreciação mais desperta,
que me permite reinaugurar flores e céus 
e pessoas no meu olhar.
Essa graça que encontro, de graça, 
nos detalhes mais singelos.
O que prevalece agora 
é a confortável suposição de que, 
por trás de tantas e habituais nuvens, 
esse contentamento faz parte da nossa natureza.
Os problemas, os desafios, as limitações, 
não deixaram de existir. 
Deixaram apenas de ocupar o espaço todo.”




Ana Jácomo





terça-feira, 3 de novembro de 2015

Seguindo em frente...




Ela prefere esconder alguns sentimentos, guardar só pra ela, teme que as pessoas achem bobagem, até ela mesma acha que alguns deles são.


Não costuma demostrar muito o que sente, pois quando o fez, acabaram usando isso contra ela.

Ela tem feridas que o tempo não cicatrizou, que ainda doem pra caramba, e apesar de todas as decepções, ela não guarda mágoa, não que ela esteja sempre disposta a perdoar, mas o erros alheios são somente dos outros, ela acha melhor viver em paz, mesmo com algumas coisas que insistem em fazê-la sofrer.

Ela vai seguindo em frente pois sabe que ninguém é feliz o tempo todo, e o tempo dela de ser feliz cedo ou tarde vai chegar, dor e esperança tem sido suas companhias, sem final feliz por enquanto, mas com muitos aprendizados na história toda.



(David Rodrigues)



sexta-feira, 22 de maio de 2015

...





Diz o meu nome
pronuncia-o
como se as sílabas te queimasse os lábios
sopra-o com a suavidade
de uma confidência
para que o escuro apeteça
para que se desatem os teus cabelos
para que aconteça

Porque eu cresço para ti
sou eu dentro de ti
que bebe a última gota
e te conduzo a um lugar
sem tempo nem contorno

Porque apenas para os teus olhos
sou gesto e cor
e dentro de ti
me recolho ferido
exausto dos combates
em que a mim próprio me venci

Porque a minha mão infatigável
procura o interior e o avesso
da aparência
porque o tempo em que vivo
morre de ser ontem
e é urgente inventar
outra maneira de navegar
outro rumo outro pulsar
para dar esperança aos portos
que aguardam pensativos

No úmido centro da noite
diz o meu nome
como se eu te fosse estranho
como se fosse intruso
para que eu mesmo me desconheça
e me sobressalte
quando suavemente
pronunciares o meu nome



Mia Couto




quarta-feira, 15 de abril de 2015

Ao toque das mãos...




Ele sabe a forma de tocar a minha alma
Desperta os meus sentidos e aguça o meu querer
Aflora tantos desejos que tenho medo de morrer
... Mergulhada em tanto prazer ...
Se já posso senti-lo em mim a quilômetros de distância
Imagino como será ao toque das mãos:
... Uma explosão de emoção!

Tatiana Moreira




segunda-feira, 23 de março de 2015

Falta pouco...



Falta pouco eu sei...
Num fechar de olhos
Posso novamente
Estar em seus braços
Posso sonhar os seus sonhos
Respirar o seu ar
Sentir os seus chamados
E nessa onda gostosa
...nos deixar levar

Tatiana Moreira




segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Sonhos...




Então venha...
Entrelaça-me em seus desejos
Silenciando-me em seus sussurros
Envolva-me em seus braços
Aninhando-me em seus lábios
Aqueça-me em sua pele
Encaixando-me perfeitamente
em seus sonhos!

*
*
*


Tatiana Moreira





quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Melodia interna...








Às vezes achamos que vai ser fácil acompanhar a dança...

Mas os passos e ritmos mudam conforme a música.

É preciso ter os sentidos atentos e apurados

para que possamos deixar as notas voltarem a fluir...

Bom é quando temos mãos fortes a nos conduzir

e juntos possamos novamente nos guiar

na melodia e harmonia interna.




Tatiana Moreira






domingo, 1 de fevereiro de 2015

...





Tudo o que nos invadiu com intensidade,
tudo o que foi realmente verdadeiro
e vivenciado profundamente,
não passa.
Fica.
Acomoda-se dentro da gente,
e de vez em quando cutuca,
se mexe,
nos faz lembrar da sua existência."



(Martha Medeiros)




terça-feira, 6 de janeiro de 2015

...



O amor quando nasce em nosso coração
é eterno e fraterno...
Tudo contrário a isso
é paixão
que nos tira do chão e razão.


Tatiana Moreira