quinta-feira, 5 de novembro de 2015

O que prevalece agora...





“O que prevalece agora 
é essa maneira nova de sentir a vida.
Essa perspectiva que me faz admirar, 
incansáveis vezes, antigas preciosidades.

Essa vontade de bendizer tantas maravilhas.
Esse sentimento de gratidão 
pelas coisas mais simples que existem.
Esse jeito mais amigo de ouvir meu coração.
O que prevalece agora 
é essa apreciação mais desperta,
que me permite reinaugurar flores e céus 
e pessoas no meu olhar.
Essa graça que encontro, de graça, 
nos detalhes mais singelos.
O que prevalece agora 
é a confortável suposição de que, 
por trás de tantas e habituais nuvens, 
esse contentamento faz parte da nossa natureza.
Os problemas, os desafios, as limitações, 
não deixaram de existir. 
Deixaram apenas de ocupar o espaço todo.”




Ana Jácomo