domingo, 23 de abril de 2017

Saiba...






Que ele saiba que, invariavelmente, pode contar comigo, nos tempos de celebração e na travessia das longas noites escuras. É dele também a minha mão. É dele também o meu abraço. É dele também a minha escuta. É dele também o meu olhar amoroso. É dele também os meus melhores sorrisos. Que ele entenda que eu não me desapontarei com a sua humanidade, com as suas dificuldades, com os seus territórios feridos, como, com o mesmo acolhimento, não me desaponto com os meus. Que tenha certeza de que eu quero muito que seja livre, saudável, contente; que seja. Que tudo aquilo que o preocupa, o desassossega, o faz sofrer, por Deus, seja logo transformado, assim como tudo o que o torna feliz seja mais e mais abençoado. Que alcance toda expansão que busca, todo voo que vislumbra, e possa sempre se lembrar de que é capaz de vencer os mais assustadores e impermanentes limites.

Ana Jácomo







sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

...





"Ao longo da vida, a gente aprende a reconhecer pessoas e pessoas. A se preservar, a ignorar. A gente se orgulha de quem nos tornamos, fincamos raízes emocionais. A gente não faz mais questão de convencer ninguém a nada, porque somos convencidos de nós mesmos. Sabemos quem somos e sobre o que temos dentro de nós. As pessoas te recebem, quando você se recebe. Te aceitam como você é, quando você se ajeita aí dentro de você. Quando você acolhe teus defeitinhos e escorregadelas. Quando você entende tuas mancadas como algo puramente humano. Reconhecer e aceitar a nossa verdade, ainda é o melhor jeito de ser feliz. As pessoas te dão paz, quando você se dá paz. Simples assim."








"O que os outros acham, é só que os outros acham"




sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

...




"Na verdade, não basta ter fé.

Tem que “botar fé”.

Fazer acontecer o Amor é coisa de dedicação. 

Conquista diária que só acontece nos detalhes.

Todo mundo tem uma história de amor, 

e o desejo de ser muito amado, 

e de amar sobremaneira, 

mas tem um bocado de gente

sem perceber o azul dos dias, 

dos olhos, dos gestos

e amando em tons tristes. 

Não espere acontecer,

 faça.”


*


-Be Lins-